(14) 9.9801-5897

Seu bebê nunca dormirá a noite toda!

Atualizado: 6 de Ago de 2019

Não se iluda! Seu bebê não irá dormir a noite inteira, aliás, vou te contar uma outra verdade, você também nunca dormirá uma noite inteira.

Entender a arquitetura do sono traz a real noção de como acontece e desmistifica muitos mitos.


Não dormimos a noite toda, nós alternamos entre sono leve, sono profundo e breves despertares.

Então, é natural que durante a noite, assim como você, seu bebê acorde, resmungue e se não precisar ter alguma necessidade suprida (fome, fralda suja, apego) retome o sono sozinho ou tenha sua necessidade atendida e logo volte a dormir.


Até os 6 meses o sono ainda é imaturo, não há muito padrão, somente após esta idade é que começa a acontecer um desenvolvimento neurológico do sono e os ciclos ficam mais parecidos com o de um adulto.

A partir de agora, Segundo estudos, dentro das 10h à 12h horas de sono noturno que o bebê precisa, 5 horas ininterruptas já é considerada uma noite inteira de sono.


Aos 9 meses, o tempo de duração do ciclo de sono que até então era de 45’ começa a se prolongar gradativamente para ser como o de um adulto (90’ a 100’). Com essa consolidação dos ciclos de sono e o aumento da sua duração, os bebês podem fazer mais horas de sono seguidas.

Todas estas questões são muito individuais e sofrem interferências pessoas de cada bebê.


# O que consideramos importante para o sono dos bebês maiores de 6 meses:

- Oferecer 10h a 12h de sono, com interrupções se necessário.

- Garantir o primeiro sono de aproximadamente 4h a 5h ininterruptas, momento em que acontece o sono mais profundo e liberação do hormônio de crescimento.

- Após esse período podem acontecer aproximadamente mais 2 breves despertares que podem ou não serem interrompidos por alguma necessidade ou o bebê emendar e continuar dormindo.


Devemos lembrar que o sono do bebê em momentos como saltos de desenvolvimento, ansiedade da separação e doença, pode sofrer alterações, mas que com a normalização deverão voltar ao padrão anterior.

10 visualizações